Plantas Vivas em Ambientes Internos | Cenário Móveis - A loja mais completa em móveis finos e de luxo em Goiânia e Brasília
imagem
24/07/2018  Dicas

Plantas Vivas em Ambientes Internos

Se engana quem pensa que ter um jardim é exclusividade de quem pode explorar espaços externos. É possível criar um jardim em diversos cenários: ambientes internos, espaços pequenos e até mesmos aqueles que não recebem muita luz natural.

As plantas mais indicadas para ambientes internos são aquelas que podem ser colocadas em vasos e que não necessitam de luz direta. Algumas dessas plantas, conhecidas como “plantas de meia sombra”, são os filodendros, columeias, antúrios, samambaias e begônias. É importante fazer a opção por plantas nativas, tanto por serem mais fáceis de serem encontradas e pela facilidade de adaptação.

O primeiro passo para escolher o melhor lugar para uma planta em espaços internos é saber sua origem. Há espécies que na natureza vivem em ambientes úmidos e sombreados, como a maioria das samambaias. Sendo assim, se essas condições forem reproduzidas em casa, não há dúvidas de que as samambaias terão ótimo desenvolvimento.

Quando não temos informações sobre o tipo de ambiente que um planta habita na natureza, a saída é observar e acompanhar diariamente seu desenvolvimento. É melhor ter menos luz, do que luz em excesso, por exemplo. O excesso de luz solar direta altera o desenvolvimento de muitas espécies, causando danos às vezes irreversíveis.

É importante não exagerar na quantidade de água a cada rega, colocando apenas o suficiente para umedecer a terra. Prefira aumentar a frequência das regas ao invés de aumentar a quantidade de água.

Na decoração, as plantas podem ser utilizadas para harmonizar e dar mais leveza ao ambiente, podendo ser usado em vários cômodos, desde a sala de estar até o escritório. Acredita-se ainda que as plantas em ambientes internos podem purificar o ar e equilibrar energias de um espaço."

 

 
SIGA A CENÁRIO NO INSTAGRAM
RECEBA NOSSAS NOVIDADES POR E-MAIL